Aprenda OpenLDAP

OpenLDAP

Aula-01 – Introdução e instalação do OpenLDAP em ambiente Linux

Nesta primeira vídeo aula você terá uma introdução sobre essa ótima ferramenta e aprenderá instalar e realizar configurações básicas. Este serviço de diretório possui todas as características que são extremamente necessárias para um serviço de diretório, exemplo: escalabilidade, segurança, resiliência, alta performance, criptografia, etc. Caso seja seu primeiro contato com a tecnologia, pensa nela como se fosse um Active Directory da Microsoft, porém, Open Source. Ao progredir seu aprendizado, você irá notar que existem algumas tanto semelhanças como diferenças, neste momento você estará apto a escolher a melhor tecnologia para cada ocasião. Não tenha dúvida que ambos serviços de diretórios são amplamente utilizados em ambientes corporativos.

Caso queira mais informações sobre a ferramenta visite o site www.openldap.org

Aula-02 – Configuração do OpenLDAP em ambiente Linux

Nesta aula você aprenderá como realizar a configuração dos principais parâmetros do arquivo de configuração slapd.conf e como importar um arquivo LDIF. Apesar de existirem algumas interfaces gráfica para manipular os objetos do serviço de diretório, em muitas ocasiões você precisará migrar dados de outros ambientes, nessa hora compreender a estrutura de um arquivo LDIF é de extrema importância.

Também serão vistos os comando ldapsearch, ldapadd, slapcat, ldapasswd, entre outros. Entender como utilizar estes comandos será um diferencial no momento de resolver problemas.

Aula-03 – Autenticação com OpenLDAP

Nesta aula será abordado o processo de configuração da autenticação. Será realizado a configuração tanto no cliente como no servidor. A autenticação em uma base centralizada é uma grande vantagem, pois garante mais consistência e segurança no processo.

Aula-04 – Configurando criptografia no OpenLDAP

Nesta aula iremos configurar criptografia na comunicação entre cliente e servidor, evitando que as informações possam ser capturadas na rede em texto claro. A criptografia será feita utilizando o protocolo TLS. Realizar a comunicação sem criptografia seria um grande erro, pois qualquer um poderia capturar informações confidenciais como por exemplo, usuário e senha de um colaborador.